Preso homem suspeito de 20 assassinatos em Betim

Preso homem suspeito de 20 assassinatos em Betim

Jornal Estado de Minas
O homem considerado o número 1 do crime em Betim e um dos mais perigosos da cidade foi preso na manhã desta sexta-feira pelo 33º Batalhão da Polícia Militar. Huderson Carlos Pereira Penato, de 30 anos, era procurado desde 2009 quando teria assumido o controle do tráfico na região do PTB. Ele também é suspeito de ter envolvimento em mais de 20 homicídios e tem quatro mandados de prisão expedidos contra ele em aberto, sendo um por homicídio e três por tráfico de drogas. Tanto para a Polícia Civil quanto Militar, o suspeito era a figura mais importante do crime organizado na cidade e estava na primeira posição do ranking dos 10 homens mais procurados de Betim.
A prisão aconteceu no Bairro Bicas Velhas, em São Joaquim de Bicas, na casa aonde Huderson morava “para fugir da ação do estado”. De acordo com o tenente coronel Júlio César, comandante do batalhão, de lá o suspeito estaria comandando o tráfico da gangue de maior atuação no PTB. “Ele está por trás de muita coisa que está acontecendo na cidade, principalmente homicídios. Em tese, ele comanda uma parte da cidade, mas a gente tem informações de que ele está expandindo a área de atuação dele para outros bairros do município e até outras cidade. E nessa expansão dele estavam acontecendo muitos embates”, declara.

A casa em que ele estaria morando foi chamada de modesta pelos militares. Lá foi encontrada uma pistola calibre 40, carregada, de uso exclusivo das forças armadas. De acordo com o comandante, a arma foi identificada como pertencente ao comando da 11º Região Militar, do Exército Brasileiro, no Distrito Federal. Segundo relatos dos militares, Huderson afirmou ter comprado a arma de outros bandidos na região do Barreiro, em Belo Horizonte. 

Ainda de acordo com o comandante, Huderson não assume os crimes pelos quais é acusado, nem a liderança no crime organizado na cidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário