Polícia investiga morte de homem encontrado carbonizado em casa

O homem estava morto e carbonizado dentro do barracão, mas perícia encontrou perfurações no corpo. Ele pode ter morrido a tiros antes do incêndio 
 Jornal Estado de Minas
A polícia vai investigar a morte de um homem de 53 anos encontrado carbonizado dentro de casa no Bairro Camelos, em Santa Luzia, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. De acordo com a Polícia Militar (PM), o irmão de Joaquim Antônio Neto da Silva, acionou a corporação no fim da noite de sábado por causa de um incêndio.

O fogo destruiu o barracão onde Joaquim morava. O pequeno imóvel fica dentro do terreno da família. O irmão escutou gritos e quando chegou ao local se deparou com as chamas. Vizinhos ajudaram a apagar o fogo, mas Joaquim estava morto dentro do quarto.

A perícia foi ao imóvel para apurar as causas do incêndio. Os investigadores perceberam perfurações no corpo de Joaquim, sinal de que ele pode ter sido morto a tiros antes do incêndio. Há suspeita também de que tenha sido queimado vivo.  Ninguém soube informar o que pode ter motivado o crime. A polícia ainda não tem pistas de autores do atentado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário