Quadrilha que causou R$ 500 mil de prejuízo com "saidinhas de banco" contava com 14 integrantes


FOTO: ALEX DE JESUS/O TEMPO
Onze dos 14 integrantes da quadrilha foram presos
OtempoOnline
A quadrilha especializada no crime conhecido como “saidinha de banco” que foi desmantelada e apresentada pela Polícia Civil nesta segunda-feira (30) era composta por 14 pessoas. O prejuízo confirmado causado pelos suspeitos chega a R$ 500 mil. A polícia acredita que o número pode dobrar e chegar a R$ 1 milhão.
Dos integrantes, 11 foram presos nos últimos quatro meses. A última prisão foi nesse sábado (28), em um shopping da região Noroeste de Belo Horizonte. O homem bebia cerveja com um colega quando foi reconhecido por um policial.


A quadrilha agia da seguinte forma: um olheiro ficava dentro da agência bancária enquanto dois homens esperavam do lado de fora em uma motocicleta. Após o assalto, a quantia e a arma usada no crime eram entregues para outros integrantes do grupo, que aguardavam em um carro. Com os suspeitos foram apreendidos cerca de 1,3 kg de cocaína e crack, uma pistola calibre 40 que foi roubada de um policial civil, quatro motos e três carros. Os outros três integrantes continuam foragidos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário