Casal de adolescentes junta roupas, R$ 1.000 e desaparece em BH

Famílias desesperadas fazem buscas por toda a região metropolitana da capital mineira
R7

casalAs famílias de dois adolescentes da Grande BH estão desesperadas. Os jovens, que namoravam há cerca de seis meses, desapareceram dia 20 de abril e não deixaram rastros. Desde o desaparecimento, que completou 11 dias nesta quarta-feira (1º) a mãe de Jacques Américo Vieira, de 17 anos, Lourdes Garcia, não consegue descansar. Ela está rodando em todos os locais onde crê que possa encontrar o filho, distribuindo cartazes e procurando por pistas. — Eu tenho ido em ônibus, eu tenho ido em aglomerações de pessoas, eu tenho ido em hospitais, tenho feito um trabalho gritando, tenho andado debaixo de viadutos com touca e óculos escuros, procurando meu filho.

O garoto sumiu acompanhado por Tainá Laís Rocha e Silva, de 15 anos. Os dois eram conhecidos pela personalidade tranquila e pelo gosto por roupas pretas e pelo skate. A dupla saiu de casa com roupas e cerca de R$ 1.000. O último local onde os adolescentes teriam sido vistos é a Praça da Liberdade, na região centro-sul da capital mineira. Segundo Alexandre Rocha, tio de Tainá, até mesmo o Facebook dos dois foi apagado. Com duas suspeitas, de que o casal tenha fugido por vontade própria ou sido sequestrado, a mãe de Vieira não perde a esperança. — O meu coração está dizendo que eles estão bem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário