"Estudantes" fazem manifestação e quebram vidro de carro da PM em BH

Protesto foi no bairro Coração de Jesus, na Região Centro-Sul. Um adolescente, suspeito de depredar o veículo, foi apreendido.

Alunos fazem manifestação em frente à escola na Região Centro-Sul de Belo Horizonte (Foto: Luisa Torres/TV Globo)
Alunos fazem manifestação em frente a escola na Região Centro-Sul de Belo Horizonte
(Foto: Luisa Torres/TV Globo)
Alunos da Escola Estadual Professor José Mesquita de Carvalho, no bairro Coração de Jesus, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte, fizeram uma manifestação nesta sexta-feira (14) porque discordam das regras internas do colégio, informou a Polícia Militar (PM). Um carro da PM teve um dos vidros quebrados na confusão.
De acordo com a PM, a direção da escola quer que os alunos obedeçam normas internas como cumprimento de horário, uso do uniforme e do material escolar.
Alunos protestam com cartazes (Foto: Pedro Triginelli/G1)
Alunos protestam com cartazes
(Foto: Pedro Triginelli/G1)
Ainda segundo a corporação, os militares foram chamados pela diretoria porque os estudantes ameaçaram os funcionários e disseram que não iriam cumprir as determinações.
Quando a polícia chegou ao local, os alunos se rebelaram e enfrentaram a PM. Para dispersar o tumulto, sprays de pimenta foram usados. O adolescente suspeito de depredar o carro da PM foi apreendido. Não houve feridos.
Os alunos disseram à reportagem do G1 que a escola está desorganizada e reclamaram de carteiras e banheiro quebrados. Eles também querem a saída da vice diretora.
A Secretaria de Estado de Educação informou que ações do Fórum de Promoção da Paz no Ambiente Escolar serão intensificadas e que os pais dos alunos envolvidos na confusão deverão ser chamados para uma reunião. Ainda de acordo com o órgão, o regime interno da escola foi feito em uma parceria entre a escola e a comunidade. (G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário