Confronto entre vagabundos e PM termina com oito feridos e ônibus incendiado na Grande BH

Uma viatura foi apedrejada e baleada e dois envolvidos no tumulto detidos

Ônibus queimado ficou totalmente destruídoRecord Minas
Um confronto entre moradores do bairro Morro Alto, em Vespasiano, na Grande BH, e integrantes da PM (Polícia Militar) terminou com pelo menos oito pessoas feridas, duas detidas e um ônibus incendiado no final da noite desse domingo (11). Uma viatura da PM também foi apedrejada e baleada.
A confusão começou depois que a polícia tentou dar fim à uma festa realizada em rua do bairro sem alvará. O evento, marcado por meio de rede social, contou com a presença de mil pessoas.
Os policiais relataram que chegaram a pedir para que os organizadores da festa desligassem os sons, mas o grupo apenas mudou de endereço. Com essa resistência, os militares esperaram dar o horário da Lei do Silêncio, quando, novamente, o fim do evento foi solicitado. No entanto, desta vez, houve maior resistência e os policiais tiveram que fazer uso de balas de borracha ao serem desobedecidos e até desacatados. Na sequência, os populares jogaram pedras e atiraram contra uma viatura, assim como atearam fogo em ônibus coletivo.
As chamas do incêndio atingiram parte da fiação elétrica e boa parte dos moradores do Morro Alto ficaram sem luz.
Os dois detidos são Fábio de Oliveira, de 24 anos, e Wenderson Marques, de 30. O primeiro foi autuado por perturbação de sossego e o segundo irá responder por desacato. Os responsáveis pelo incêndio criminoso ainda não foram identificados ou presos. (R7)

Nenhum comentário:

Postar um comentário